Meninas dos olhos!

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010
As meninas dos olhos
São sem horas de acontecer,
Lindas e tristonhas
Poesias do amanhecer,
São dilúvios interiores
Transbordando a alma
De prazeres e cores
Nos tomam sorrateiras
Ao canto da inocente pureza
Fugindo ao olhar viciado,
Brotando no olhar do poeta.


Guilherme Diogo Rodrigues.

3 comentários:

Rafaela disse...

*-*

Lindo!

Anônimo disse...

lindO de mais esse gui!!
me apaixonei por ele!!
vc ta cada vez melhor parabéns
nem acredito que conheço um poeta kkkk lindOOooo

Mary disse...

Lindo lindo lindo


*---*

Postar um comentário

Obrigado por ser um Pensador Livre!!!!!!